Arquivo da tag: injustiça

2 de outubro – Antídoto na angústia

Até quando, Senhor? Para sempre te esquecerás de mim? Até quando esconderás de mim o teu rosto? Até quando terei inquietações e tristeza no coração dia após dia? Até quando o meu inimigo triunfará sobre mim? Olha para mim e responde, Senhor meu Deus. Ilumina os meus olhos, do contrário dormirei o sono da morte; os meus inimigos dirão: “Eu o venci”, e os meus adversários festejarão o meu fracasso. Eu, porém, confio em teu amor; o meu coração exulta em tua salvação. Quero cantar ao Senhor pelo bem que me tem feito. Salmo 13

Quando passamos momentos difíceis, como o rei Davi passava ao escrever esse salmo, a angustia é o sentimento mais comum. Alma angustiada é o estágio que nos encontramos quando acuados, humilhados, perseguidos, desanimados. Todos podem se sentir assim em algum momento da vida. A reação de Davi é comum a nós e aponta semelhantes sensações pelas quais passamos.

Continuar lendo

Publicado em Devocional | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

13 de maio – Injustiça Dói

Algum tempo depois houve um incidente envolvendo uma vinha que pertencia a Nabote, de Jezreel. A vinha ficava em Jezreel, ao lado do palácio de Acabe, rei de Samaria. Acabe tinha dito a Nabote: “Dê-me a sua vinha para eu usar como horta, já que fica ao lado do meu palácio. Em troca eu lhe darei uma vinha melhor ou, se preferir, eu lhe pagarei, seja qual for o seu valor”. Nabote, contudo, respondeu: “O SENHOR me livre de dar a ti a herança dos meus pais! ” 1 Reis 21:1-3

Nabote era um homem simples que viveu nos tempos do rei Acabe, um dos reis de Israel. Possuía uma propriedade que chamou bastante a atenção do rei que imediatamente quis comprá-la. A vinha era herança de família e segundo a tradição deveria permanecer em família, caso contrário seria um desrespeito aos pais e uma desobediência a Deus. Nabote, então, negou vender o legado de sua família a Acabe e pagou um alto preço por sua fidelidade.

Acabe era casado com Jezabel, mulher sem temor algum a Deus e ela armou um plano para matar Nabote, prometendo a Acabe conseguir a propriedade. Nabote foi morto injustamente, fruto de uma armação da rainha pagã com seu marido, que arrumou testemunhas falsas para acusar o pobre homem de pecado contra seu rei e seu Deus. Foi morto cruelmente por um crime que não cometeu. Continuar lendo

Publicado em Devocional | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário