Arquivo da tag: contendas entre cristãos

24 de setembro – Desejos que não são os desejos de Deus

De onde vêm as guerras e contendas que há entre vocês? Não vêm das paixões que guerreiam dentro de vocês? Vocês cobiçam coisas, e não as têm; matam e invejam, mas não conseguem obter o que desejam. Vocês vivem a lutar e a fazer guerras. Não têm, porque não pedem. Quando pedem, não recebem, pois pedem por motivos errados, para gastar em seus prazeres. Tiago 4:1-3

De onde vem os problemas e conflitos entre os cristãos? todos os dias ouvimos histórias de cristãos se dividindo. Que pena! onde deveria haver mais união, muitas vezes tem contendas e divisões. A origem, sem dúvida, está nas motivações, nos desejos errados, egocêntricos existentes, fruto do pecado, fruto da carne.

A paixão é um desejo desenfreado. Vem como um fogo, uma chama, mas não dura ara sempre. Oscila entre o real e o ilusório. Dentro de cada um de nós existem paixões, sentimentos guerreando. É isso que a Palavra de Deus está nos dizendo. Esses desejos internos, profundos de cada um, sobressaem, tomam um lugar de importância que não deveriam. Por esses desejos, pela vontade, passa-se por cima de tudo e todos, distancia-se do foco cristão principal e, separações, guerras, contendas acabam acontecendo onde deveria haver apenas amor. Continuar lendo

Publicado em Devocional | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário

29 de janeiro – Você é um Pacificador?

Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus;” Mateus 5:9

Jesus é o Príncipe da Paz. Maior pacificador que ele não há. Os seguidores do Príncipe da Paz devem ser pacificadores. E quem é o pacificador?

O pacificador é aquele que promove a paz onde quer que ele esteja, seja como cidadão, como cristão, integrante de uma igreja, um trabalhador, membro de uma família.
Como cidadão, ele odeia a guerra e tudo o que ela causa. Olha nosso mundo como está! Guerra por todos os lados. Crianças e pais sendo separados, muitos morrendo, outros deixando suas terras e seus entes queridos e se refugiando em outros territórios. O pacificador rejeita qualquer hipótese de guerra porque sabe que o que se perde é muito mais do que o se pode ganhar, caso haja algum ganho. E como cidadão em seu dia a dia, no trânsito, no ônibus, no metrô poderão pisar “em seu calo” porque ele não revidará.

Como um cristão, o pacificador é aquela criatura amável, apta a ensinar e paciente. Não reage a não ser para abençoar o que está lhe agredindo. Ainda que se ire, ele não deixa o sol se por sobre a sua ira. Enquanto muitos “cristãos” disputam por causa de ninharias, diferenças denominacionais e teológicas, ofendem e machucam o próprio irmão em razão de tanta trivialidade e insensatez, o cristão pacificador está focado em Jesus e, por isso ama a paz e afasta-se das contendas ridículas ou está sempre com uma mangueira pronto a apagar o fogo dos mais entusiastas em brigar dentro de uma comunidade onde só deveria haver a paz.
Continuar lendo

Publicado em Devocional | Marcado com , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário