4 de outubro – Nada fica oculto diante Dele 


Nada, em toda a criação, está oculto aos olhos de Deus. Tudo está descoberto e exposto diante dos olhos daquele a quem havemos de prestar contas – Hebreus 4.13

Há muitos, muitos anos, um homem foi ao campo roubar trigo e levou a filha com ele para que ela o ajudasse na tarefa. “Filha”, disse ele, “fica aqui na estrada de guarda para que ninguém me veja.” Mas assim que o homem começou a ceifar a filha gritou-lhe: “Pai, estão a ver-te.” O homem levantou a cabeça e olhou para a esquerda, mas como não viu ninguém continuou a ceifar. “Pai, estão a ver-te”, gritou a criança uma segunda vez. O homem levantou a cabeça e olhou para a direita, como nada viu continuou a ceifar. Passados mais uns minutos a menina gritou uma terceira vez: “Pai, estão a ver-te”. O homem olhou para a frente, mas não viu ninguém e continuou a ceifar. “Pai, estão a ver-te”, gritou a filha pela quarta vez. O homem olhou para trás e como não viu ninguém ficou irritado com a criança: “Então filha?! Dizes que me vêem mas eu já olhei em todas as direções e não vejo ninguém.”

A filha encolheu os ombros: “Mas pai, estão a ver-te dali”, disse ela apontando para o céu.

Há quem se preocupe em fazer as coisas às ocultas para que sua reputação diante dos homens permaneça ilibada. Há quem se preocupe com o conceito que tem perante seus líderes religiosos e, para tanto, procura agir sorrateiramente.

Na verdade, todos querem ocultar aquilo que sabem que estão fazendo e é reprovável. O ser humano, desde Adão e Eva, tende a esconder seus atos mais vergonhosos. Age na clandestinidade, comete seus erros e se tranquiliza quando não flagrado por alguém.

Como na parábola rabínica em que o homem tentava furtar às escondidas, assim agimos muitas vezes esquecendo que nada ficará oculto aos olhos de Deus. Dele não podemos esconder nada. Não bastasse, carregamos o peso de fazer algo reprovável aos olhos do Pai“Quando eu guardei silêncio, envelheceram os meus ossos pelo meu bramido em todo o dia”. (Salmo 32.3). Assim aconteceu com Davi.

Vamos levar os nossos olhos aos céus e não para os lados quando formos cometer algo errado. “Não há nada escondido que não venha a ser descoberto, ou oculto que não venha a ser conhecido.” Lucas 12.2

Baixe o aplicativo Benção Diária em seu smartfone/tablet ou Iphone/Ipad: http://app.vc/bencaos_diarias .

Disponível na App Store e Google Play

Sobre bencaosdiarias

Meu nome é Rita de Cássia da Silva Stracci A criação do blog Bênçãos Diárias, assim como do aplicativo Bênção Diária (disponível para todos os sistemas operacionais (http://app.vc/bencaos_diarias), tem por objetivo o compartilhar devocionais pessoais que faço todos os dias. Em uma linguagem simples para que todos possam entender, busco dividir o aprendizado que tenho meditando na Palavra de Deus.
Esse post foi publicado em Devocional e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s