6 de setembro – Quando chega a hora…

948582520-cruz

tendo os olhos fitos em Jesus, autor e consumador da nossa fé. Ele, pela alegria que lhe fora proposta, suportou a cruz, desprezando a vergonha, e assentou-se à direita do trono de Deus.” (Hebreus 12:2)

 

J. C. Ryle comenta em seu sermão “Olhando para Cristo” que se olharmos diretamente para Jesus, temos que olhar diariamente para sua morte como única fonte de paz. Todos precisam dessa paz, mas nem todos enxergam essa necessidade. Na verdade, há muitos que pensam estar vivendo muito bem sem Deus. Somente quando caem as escamas dos olhos, alguns começam a perceber que somos mais que um mero corpo. Há um espírito, há um vazio que precisa ser preenchido. Quando as escamas caem, se percebe a existência de Deus e a necessidade que se tem dele. Percebe-se que a vida não termina nesse mundo. Há mais depois da morte e esta é apenas o encerramento de um ciclo para o início de outro.

Olhar firmemente para o autor e consumador da fé, é a atitude de quem entendeu que todos os planos, todos os objetivos, as conquistas e vitórias não lhe trouxeram a paz que tanto precisava. É a atitude de quem parou um momento, sozinho, com seu travesseiro e se viu nu, necessitado, envergonhado, enlameado. Percebeu sua própria sujeira e descobriu que é incapacitado de limpar-se. Envergonhou-se da sua existência sem Deus. Cansou-se de lutar para preencher o buraco que há em seu interior sem obter sucesso porque, na verdade, só quem o criou pode preencher esse vazio.

Chega um momento na vida de olhar para Jesus nem que seja para dizer que o rejeita em sua vida, que se nega a aceitá-lo. Há um momento da descoberta ou momento em que se admite a necessidade de uma vivência espiritual. Aquele instante em que se conclui que tudo foi tentado, tudo foi feito, buscou-se todos os caminhos, mas não se encontrou tudo o que esperava. Falta-lhe satisfação existencial. Quando acende a luz de alerta e percebe-se como de fato é diante de Deus, é chegada a hora de perder o orgulho, a vergonha, a arrogância e render-se aos pés da cruz. É o momento de olhar firmemente para Jesus, autor da fé , consumador da fé. É momento de entregar-se, abrir-se para a descoberta do significado da tão famosa cruz. É o momento de encontrar-se com Deus.

Baixe o aplicativo Benção Diária em seu smartfone/tablet ou Iphone/Ipad: http://app.vc/bencaos_diarias .

Disponível na App Store e Google Play

.

Sobre bencaosdiarias

Meu nome é Rita de Cássia da Silva Stracci A criação do blog Bênçãos Diárias, assim como do aplicativo Bênção Diária (disponível para todos os sistemas operacionais (http://app.vc/bencaos_diarias), tem por objetivo o compartilhar devocionais pessoais que faço todos os dias. Em uma linguagem simples para que todos possam entender, busco dividir o aprendizado que tenho meditando na Palavra de Deus.
Esse post foi publicado em Devocional e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para 6 de setembro – Quando chega a hora…

  1. Luiz disse:

    Lindo Texto!
    Realmente chega um momento na vida que a alma pede mais, e esse mais somente Jesus pode nos dar.

    Fica na Paz!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s