30 de junho – Buscando Glória?

download

Não estou buscando glória para mim mesmo; mas, há quem a busque e julgueJoão 8:50

Quando Jesus veio a esse mundo, ele deixou de lado os privilégios da divindade e, esvaziando-se a si mesmo, tomou a forma de um servo, de um ser humano e, sendo homem, humilhou-se a si mesmo e foi obediente até a morte, e morte de cruz (Filipenses 2.5-8). Jamais reivindicou para si qualquer privilégio ou glória humana. Pelo contrário, chegou a mencionar que havia vindo ao mundo para servir e não para ser servido (Marcos 10.45). E, de fato, serviu. Ele ensinou, curou, libertou e, por fim, morreu em uma cruz para salvação dos homens. Contudo, como ele mesmo disse, em nada buscou a sua própria glória, mas havia alguém acima dele que a buscou e o exaltou soberanamente à mais elevada posição e lhe deu o Nome que está acima de qualquer outro nome (Filipenses 2.9). Jesus não precisou se exaltar e gloriar-se em si mesmo. Deus o exaltou.

Fico entristecida quando percebo que há tantos hoje buscando exaltação e glória, quando o mestre dos mestres, senhor dos senhores, enquanto andou entre os homens, não agiu assim. Há muita gente sentindo-se importante demais e, com esse elevado conceito de si mesmo, reivindica glória. O ser humano possui uma necessidade de ser reconhecido, de ser elevado e eu e você podemos vir a nos sentir assim. Quando surgir a menor possibilidade disso acontecer, devemos nos lembrar quem de fato somos, pecadores salvos por Ele, Jesus. Ele sim deve ser glorificado. Foi Ele quem salvou, quem curou, libertou e tudo aquilo que podemos hoje fazer, só podemos realizar por meio do seu poderoso nome. Sem ele, nada somos. Quem somos nós para querermos nos gloriar em qualquer coisa. Se ele mesmo, enquanto aqui esteve, jamais buscou glória para si mesmo, porque há tantos cristãos buscando fama, glória, reconhecimento, riquezas? Como lindamente canta Aline Barros, “que glória eu tenho se eu sou o salvo e não o salvador, que glória eu tenho se eu sou curado que Jesus sarou, que glória eu mereço se sou intérprete e Cristo é o autor“? Tudo vem dele! sem Ele nada tem sentido e nenhuma glória humana poderá alcançar a sua grandeza.

Baixe o aplicativo Benção Diária em seu smartfone/tablet ou Iphone/Ipad: http://app.vc/bencaos_diarias

 

Sobre bencaosdiarias

Meu nome é Rita de Cássia da Silva Stracci A criação do blog Bênçãos Diárias, assim como do aplicativo Bênção Diária (disponível para todos os sistemas operacionais (http://app.vc/bencaos_diarias), tem por objetivo o compartilhar devocionais pessoais que faço todos os dias. Em uma linguagem simples para que todos possam entender, busco dividir o aprendizado que tenho meditando na Palavra de Deus.
Esse post foi publicado em Devocional e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s