31 de janeiro – Felizes são…

images (3)

E Jesus, vendo a multidão, subiu a um monte, e, assentando-se, aproximaram-se dele os seus discípulos; E, abrindo a sua boca, os ensinava, dizendo: Bem-aventurados … Mateus 5:1-3 

Há séculos o homem vem tentando definir a felicidade. Todos tentando explicar esse sentimento/estado de espírito almejado por todos. Os dicionários definem a felicidade como um momento de satisfação onde não há sofrimento algum.

Diversos filósofos estudaram e analisaram a felicidade. Aristóteles afirma que a felicidade é a vida plena, onde a alma age de acordo com a virtude. Esse tipo de felicidade é o bem supremo que dá o objetivo e mede o valor de todas as atividades humanas. Já para Epicuro a felicidade ocorre através da satisfação dos desejos; Para os filósofos mais modernos, como John Locke, a felicidade é o prazer máximo e o motivador do desejo, mas adverte que muitas vezes as pessoas fazem escolhas que as tornam infelizes. Kant enfatizou que o homem deve fazer da própria perfeição e da felicidade dos outros o objetivo de suas ações. E tantos outros deixaram seus conceitos.

Jesus subiu ao monte para dizer a uma multidão o seu conceito de felicidade. Ele claramente indicou as características de um verdadeiro discípulo que marcha em direção ao reino de Deus. E essas são as pessoas verdadeiramente felizes porque sabem o que é ser humilde, ter fome e sede de justiça, são agentes pacificadores e mansos com todos. Esse são felizes porque o reino de Deus já lhes pertence e é lhes dado como herança. Sabem que estão no mundo, mas que nada do que é pregado como padrão de felicidade traz esse estado de espírito em sua plenitude. Sabem que a felicidade dos que seguem a Jesus não está na condição que aqui enfrentam, mas nas promessas que lhe são garantidas. Confia nisso e assim vive e espera. Marcham na contramão do mundo, mas são felizes porque um dia chegarão à sua verdadeira casa e olharão e perceberão o quanto contribuíram para implantação do reino de Deus no mundo.

Terminamos mais de uma semana de meditação sobre as bem aventuranças. Que todos nós possamos aprender o que verdadeiramente Deus espera de nós e o que nos oferece: a verdadeira felicidade. Talvez muitos fiquem frustrados porque a felicidade, segundo Jesus, tem um sentido totalmente contrário ao que o mundo nos apresenta. Uma coisa é certa: Jesus mostrou como tem que ser um verdadeiro discípulo seu. Este certamente não será bem visto aos olhos do mundo, mas será precioso aos olhos de Deus e aí se encontra a sua felicidade.

 

Baixe o aplicativo Benção Diária em seu smartfone/tablet ou Iphone/Ipad:
http://app.vc/bencaos_diarias

 

Sobre bencaosdiarias

Meu nome é Rita de Cássia da Silva Stracci A criação do blog Bênçãos Diárias, assim como do aplicativo Bênção Diária (disponível para todos os sistemas operacionais (http://app.vc/bencaos_diarias), tem por objetivo o compartilhar devocionais pessoais que faço todos os dias. Em uma linguagem simples para que todos possam entender, busco dividir o aprendizado que tenho meditando na Palavra de Deus.
Esse post foi publicado em Devocional e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s